22 maio 2017

Por que é mais difícil diagnosticar TDAH em meninas?

Não sei se vocês repararam, mas na maioria das vezes quando pensamos em crianças com TDAH (falamos sobre esse transtorno nesse post aqui), pensamos em meninos. 

Sim! Meninos rebeldes, inquietos, falantes... Mas... já parou para pensar porque vemos tão poucas meninas diagnosticadas com esse transtorno?

Imagem: Pinterest


Há um tempo acreditava-se que 80% de crianças com TDAH eram meninos. Após alguns estudos verificou-se que a grande questão é que poucas meninas tem as mesmas características que os meninos. Poucas demonstram hiperatividade, impulsividade ou esse comportamento desafiador.

As meninas demonstram ser extremamente tímidas. Se esforçam para não chamar a atenção para si. Aparentam ouvir enquanto sua mente divaga. Aparentam ansiedade em relação a escola, esquecidas e desorganizadas. Costumam ter o ritmo mais lento e parecem estar sobrecarregadas. São vistas erradamente como menos inteligente do que realmente são.

Com isso, o diagnóstico se torna tão difícil. Muitas vezes a família e a escola acreditam que a criança é extremamente tímida, desatenta e que essa fase poderá modificar com o tempo.

Para que não haja prejuízos futuros, se perceberem tais características, seja numa aluna ou filha, procure um médico especialista para ter certeza que não seja TDAH. 

Se ficou alguma dúvida, comenta aqui embaixo que terei o maior prazer em responder. Se não souber, prometo pesquisar e assim, a gente aprende junto


17 maio 2017

InstaMãe #mãequesecuida

Sempre fico chateada quando alguma mãe diz que depois de ter filhos acabou a vaidade, que não se cuida mais... colocando a culpa nos filhos.

Acredito que mudamos quando nós já não somos prioridades. Sei que as vezes na correria do dia-a-dia é difícil nos priorizar. Mas também acredito que tempo é uma questão de adaptar o que queremos e precisamos.

Não é feio querer estar bonita. Não é errado se dedicar a si mesmo após ser mãe.



Quando me perguntam como consigo tempo para cuidar das unhas, cabelo, me maquiar, respondo que são truques e sinceramente quando a gente descobre alguns truques conseguimos se cuidar sem gastar muito tempo e o melhor: dinheiro.

Com isso, como aqui falamos mais de maternidade e educação, no meu instagran tenho reservado para postagens de truques de esmaltes, cosméticos e maquiagens que podem te ajudar a se cuidar com rapidez e com pouco dinheiro.

Se quiserem ver essas dicas, me segue lá. É @lupiresalvim.


Te espero por lá!

15 maio 2017

Como a criança se torna responsável?

A responsabilidade é algo gradual, que requer dedicação para que se firme na criança.

Imagem: Pinterest


Para que ela desenvolva a responsabilidade os pais devem desde pequenos inserir deveres à criança. Arrumar seu quarto, brinquedos, guardar suas próprias roupas, organizar sua mochila...

Tem uma tabela na internet que ajuda a gente ter uma noção do que a criança pode fazer de acordo com a idade.

Ilustração: Pinterest

É claro que cada família conhece a criança e adapta a sua realidade, mas um ponto que acredito que seja muito importante é algo que minha mãe ensinava. Tínhamos uma ajudante em casa diariamente, mesmo assim minha mãe ensinava que as nossas coisas pessoais a gente é que tem que cuidar. Não importa se tem algum tipo de ajuda em casa.

Com isso, meu quarto, minha cama, meus pertences... sempre era eu que arrumava. Isso além de responsabilidade, faz a criança valorizar e zelar com o que é seu.

Outro ponto importante é ensinar que a criança precisa cumprir sua palavra. Aquilo que ela diz que irá fazer, deve cumprir. 

E aí é que entra o nosso papel como pais! Como disse em outro post (clica aqui para ver), a criança aprende mais pelo que vê do que falamos a ela. Se queremos que nosso filho seja responsável, mas não somos... se queremos que a criança seja responsável com horários, mas nunca somos... se queremos que a criança seja estudiosa, mas não fazemos o nosso trabalho com dedicação.... ela não aprenderá nada do que a ensinamos. Temos que primeiro ser exemplo, para depois ensinar!

Comente aqui embaixo suas estratégias para que a criança seja responsável!

Se ficou alguma dúvida, comenta aqui embaixo que terei o maior prazer em responder. Se não souber, prometo pesquisar e assim, a gente aprende junto


08 maio 2017

O que é Ser Mãe...

Já pediram para você completar essa frase? "SER MÃE É ..."... Várias pessoas completam a sua maneira. 

Sabe como completo? Com um não sei explicar. Como explicar o que é ser mãe? 

É tanta correria no dia-a-dia, tantos desafios, tanto amor, tanta insegurança... como definir esse conjunto de sentimentos.



O dia das mães está chegando e sempre me vejo correndo, preparando homenagem para as mães da minha igreja, pensando no presente da minha mãe, do almoço para minha mãe... que esqueço que também é o meu dia.

Estava aqui refletindo como me sinto como mãe. É difícil! É tanto amor, tanta responsabilidade, tanto carinho, tantos sorrisos, tantos choros... emoções contraditórias, não?

E você como define o "SER MÃE"? 

01 maio 2017

Gestos valem mais que palavras

Não é lindo quando uma criança fala algo inesperado, de um jeito diferente, uma nova caretinha e de repente a gente percebe que a gente que fala desse jeito.

Sim. Somos observados o tempo todo e aonde estivermos. Nossos filhos estão atentos como falamos com as pessoas, como as tratamos... e mais! Interiorizam mais o que observam do que falamos.

E como falamos! As vezes acho que o dia todo estou ensinando, dando altos conselhos... é claro que é válido, mas os gestos valem mais.



Se você quer um filho educado, seja educado. Diga você também as "palavras mágicas", inclusive para seu filho. 

Quer que ele seja estudioso, estude. Como quer que seu filho tenha o hábito da leitura e você nem tem livro em casa? 

Seja você primeiro aquilo que você quer que seu filho seja. Assim, com certeza, ele te observará, irá querer ser como você e ainda mais o que você é para ele.

Se ficou alguma dúvida, comenta aqui embaixo que terei o maior prazer em responder. Se não souber, prometo pesquisar e assim, a gente aprende junto