19 setembro 2016

Como estimular a generosidade na criança!

Outro dia meu pai me mostrou um vídeo muito interessante. Mostrava um adulto que simulava situações em que deixava algo cair no chão para ver a reação espontânea da criança.

Era lindo como toda criança sem que ninguém falasse nada ajudava o adulto.

A generosidade é uma qualidade que nasce com a criança. Elas amam ajudar a quem precisa, seja quem for. Mas... como podemos fazer para que continuem sendo generosos conforme crescerem?

Primeiro temos que seguir aquela velha regra de sempre: dar exemplo. Não adianta querermos que a criança compartilhe um brinquedo se ela não vê praticarmos.

Demonstre amor, compaixão e ajude a quem precise. Não precisa ser um necessitado. Comece com quem está a sua volta.



Em segundo temos que ter em mente que ser generoso não tem a ver somente com dinheiro ou bens materiais. É claro que temos que ensinar nossos filhos a doar brinquedos (bons) que não brincam muito, roupas que não servem mais, mas também ensinar a ter compaixão com quem precisa. Ensinar a dar um abraço a quem precisa, a dividir conhecimentos, a dar carinho e afeto. Saber pensar no outro e não somente em si.

Outro ponto importante é que a criança aprende com o hábito. Se você sempre separar brinquedos para doação após datas que seu filho ganha muitos presentes, como aniversário ou natal, seu filho vai crescer entendendo que isso é o normal a ser feito. Ah! Mas brinquedos, roupas, objetos do seu filho deve ser separado junto com ele, com a participação e consentimento dele. Algo forçado e imposto não vai fazê-lo aprender a ser generoso.

E por último vale lembrar que toda criança passa por fases de egoísmo. De não querer dividir comida ou brinquedos. Broncas, brigas, ameaças não ajudam. Converse faça-o entender o que é compartilhar e como isso é importante.

Se ficou alguma dúvida, comenta aqui embaixo que terei o maior prazer em responder. Se não souber, prometo pesquisar e assim, a gente aprende junto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário