03 fevereiro 2012

Esmaltes para Crianças

Muitas pessoas perguntam se minha filha (que tem 2 anos e meio) pede para passar minhas maquiagens e esmaltes.

Sim! Como toda criança, ela tem a necessidade de imitar os adultos, mas acho que como adultos temos que dizer o que é melhor, o que é certo e isso também inclui o querer parecer com uma pessoa adulta.  #APedagoga

Não gosto de crianças com maquiagens e esmaltes. Acho que tem que aproveitar a infância e que tem tempo para isso.

Já basta a gente, quando chega a fase adulta, se preocupar com maquiagem, cabelo, unha, depilação, etc, etc.... Não é mesmo?

Criança é criança! Falo para ela que isso é coisa para mamãe e não para criança e para ela tudo bem. Tudo que é ensinado com carinho, a criança recebe bem. Claro, que vez ou outra pede de novo, com carinho falo a mesma coisa e ela se dá por satisfeita.

Esmaltes de adultos podem não fazer mal agora, porém mais tarde pode trazer alergia e problemas nas unhas.

Vi uma reportagem falando isso. A criança, está em fase de crescimento. Esmalte na mão dela, é um "corpo" estranho que o organismo tenta "botar" para fora.

Futuramente pode haver alergia, unhas fracas, finas e quebradissas por ter atrapalhado sua formação por completo.

Acredito que seja por isso que hoje em dia tem tanta gente procurando produtos de fortalecimento para unhas e esmaltes hipoalergênico.

Se você não resiste ou não acha nada demais os esmaltes nas mãos da criançada, venho te dar uma dica. Que PODE ser que até utilize nos seu devido tempo...hehehe

São os esmaltes próprios para crianças. Ele não tem a mesma composição que o esmalte de "adulto" e sai na água.




Achei super legal essa idéia da Impala. As embalagens são de plástico (bem para criança mexer mesmo) e bem fofas. Mas uma alerta: É indicado para crianças a partir de 5 anos, ok? Míriam ainda está fora... hehehe




Espero que tenham gostado da "falação" por aqui. Acho que é o lado Pedagoga falando mais alto. hehehe...

Mas, fala ai? O que acharam do post?




Nenhum comentário:

Postar um comentário